13.4.10

carona

sabe tiro que sai pela culatra?
foi a carona que ela pegou naquele dia.
por outros caminhos, viu a cidade.
andou por outras ruas.
no entardecer sentiu sua cidade pulsar.
grande, cheia de luzes, com muitos carros...
desceu longe da parada do ônibus.
andou mais do que havia planejado.
sentiu-se bem.
seus sentidos viram beleza no caos.

Um comentário:

Camilla para os menos íntimos... disse...

ando andando tão desatenta que não enxergo um palmo a frente da cara, o caos tomou conta de mim... do caos a barbárie.

Seguidores

quem sou eu?

Minha foto
as definições, as conceituações, me entram, como se diz, por um ouvido e saem pelo outro... sou.